Provedoria de Justiça constata exploração de Mão-de-Obra infantil no Mercado Municipal

Provedoria de Justiça constata exploração de Mão-de-Obra infantil no Mercado Municipal

Provedoria de Justiça constata exploração de Mão-de-Obra infantil no Mercado Municipal

Uma delegação da Provedoria de Justiça, em Malanje, chefiada pelo técnico daquela representação, Yeco Caximbombo, acompanhado de um técnico, Aguinaldo Quituxe, realizou uma visita de constatação em alusão ao mês da criança, ao mercado municipal da Catepa, no passado dia 12 de Junho.

Durante a visita a delegação constatou alguns focos de exploração de mão-de-obra infantil, entre às idades compreendidas dos 08 aos 12 anos.

Segundo a constatação, os jovens são submetidos ao uso de bebidas alcoólicas e de estupefacientes pelos adultos.

De acordo com o Administrador do referido Mercado, Jorge Gomes, várias diligências têm sido conduzidas, em parceria com o INAC-Malanje, no sentido de combater este fenômeno, porém, nota-se muitas vezes, a teimosia por parte dos vendedores que ousam a resistir às autoridades Policiais.

No final, Yeco Caximbombo, exortou os vendedores sobre o dever legal de protecção dos direitos dos menores e do respeito pela sua dignidade enquanto criança.

Anterior Provedores de Justiça de Angola e da região de flandres-bélgica partilham experiências

Deixe o seu comentário

O Provedor de Justiça é uma Entidade Pública Independente do Estado…

Relações Internacionais

Links Úteis

© 2024 Provedor de Justiça de Angola - Todos os direitos reservados

wpChatIcon