Angola participa na reflexão sobre Direitos Humanos na África Austral

Angola participa na reflexão sobre Direitos Humanos na África Austral

Angola participa na reflexão sobre Direitos Humanos na África Austral

O 2.° e último dia das actividades comemorativas do 20.° aniversário do Centro das Nações Unidas para os Direitos e Democracia na África Austral foi marcado pela abordagem, em conferência, de dois temas, em Yaoundé, capital camaronesa.

Tratou-se dos “Dividendos da governança democrática e do respeito dos direitos humanos” e “O papel crucial das Instituições Nacionais dos Direitos Humanos para o fortalecimento do estado de direito, a coesão social, a paz e o desenvolvimento sustentável”.

Durante as abordagens, foi reconhecida a necessidade de a região da África Central continuar a trabalhar para o alcance dos valores da democracia e do respeito dos direitos humanos, para manter os cidadãos, na sua maioria,  jovem, muitas vezes desafiada pelo emprego, expectativas de vida e emigração,  fenómeno indicador de instabilidade.

Foi lançado o repto de maior fortalecimento das instituições defensoras e promotoras dos Direitos Humanos.

O encontro adoptou a Declaração de Yaoundé, que reafirmou a importância das Instituições dos Direitos Humanos e a manifestou o seu encorajamento a participar activamente nas celebrações dos 75 anos da Declaração Universal dos direitos humanos.

Recorde-se que no primeiro dia, o representante de Florbela Rocha Araújo, Domingos Henriques, considerou que os defensores dos Direitos Humanos podem servir de instrumentos ou veículos para que os Estados tenham uma estratégia de redução do fenómeno da pobreza.

O discurso de encerramento foi proferido pelo Secretário Geral das Relações Exteriores da República dos Camarões, em representação do Ministro, que agradeceu pela realização,  tendo anunciado que o próximo encontro está previsto para Luanda.

A Provedora de Justiça de Angola,  Florbela Rocha Araújo, esteve representada, pelo Director da Direcção  das Áreas Especializadas,  Domingos Henriques, na celebração do 20.° Aniversário do Centro das Nações Unidas para os Direitos Humanos durante doisbdois, que decorreu de 4 a 5 de Dezembro, em Yaoundé,  Camarões.

Anterior Angola eleita presidente da Associação dos Provedores de Justiça e Mediadores Africanos

Deixe o seu comentário

O Provedor de Justiça é uma Entidade Pública Independente do Estado…

Relações Internacionais

Links Úteis

© 2023 Provedor de Justiça de Angola - Todos os direitos reservados

wpChatIcon