PROVEDOR DE JUSTIÇA PAULO TJIPILICA PROMETE MAIOR DINAMISMO EM 2013

PROVEDOR DE JUSTIÇA PAULO TJIPILICA PROMETE MAIOR DINAMISMO EM 2013

A

2013-01-15

O dinamismo, a urbanidade e a eficácia sãos os códigos de conduta para o funcionamento da Provedoria de Justiça durante o ano de 2013.

 Esta garantia é do responsável desta instituição, Paulo Tjipilica, durante a cerimónia de fim de ano, ocorridos   quinta-feira 27 de Dezembro, na sede das instalações, na Cidade Alta, em Luanda.

“Queremos que todos que servem os cidadãos nesta Provedoria de Justiça sejam dinâmicos, traduzindo-se numa maior divulgação dos serviços, num protocolo a ser rubricada entre o Ministério da Comunicação Social e a Provedoria de Justiça para facilitar o conhecimento do serviço do provedor, como também o cidadão deverá recorrer com maior celeridade ao serviço da instituição”, frisou o titular, acrescentando que os funcionários que atendem os cidadãos através da Provedoria de Justiça têm de ter um coração sensível às desditas e a miséria para melhor servir o cidadão e o país, pois as pessoas que se aproximam aos serviços da instituição que dirige vêm carregados de dramas desconhecidos e na aflição de serem atendidos e corrigir algumas assimetrias e injustiças dos órgãos da administração e empresas públicas.

A melhoria na tramitação processual, o encontro dos cidadãos, a expansão dos serviços locais, o reforço do pessoal, bem como as acções de formação para os funcionários são algumas dos desafios para as próximas etapas.

Para melhor aproximar aos cidadãos, Paulo Tjipilica garantiu que deslocar-se-ão funcionários da equipa técnica, o próprio Provedor de Justiça, a Provedora de Justiça Adjunta para verificar “in loco”, sempre que for necessário, as factualidades que lhes são trazidas à instituição para a emissão de parecer com fundamento na realidade sem ser descredibilizado os trabalhos feitos na Provedoria de Justiça.

Neste momento, a Provedoria de Justiça conta já com as instalações nas províncias do Cunene, Bengo, Huambo e Kwanza Sul. As regiões de Cabinda, Uíge, Cuando Cubango e Moxico serão as próximas a serem beneficiadas.

O objectivo desta instituição é conferir maior dignidade aos cidadãos, aproximando o poder das comunidades numa clara demostração do cumprimento do compromisso assumido pelo Executivo para com a Justiça e a sua efectivação na defesa dos direitos elementares dos cidadãos.

Recorda-se que o edifício sede foi inaugurado em Agosto do corrente ano, na cidade capital, no distrito das Ingombotas, bairro Saneamento, no entroncamento entre as ruas 17 de Setembro e Pinheiro Furtado.

Anterior PROVEDOR DE JUSTIÇA TRABALHA EM BENGUELA

Deixe o seu comentário

O Provedor de Justiça é uma Entidade Pública Independente do Estado…

Acesso Rápido

Relações Internacionais

© 2022 Provedor de Justiça de Angola - Todos os direitos reservados

wpChatIcon